EM NOVEMBRO A BAHIA ALCANÇOU A QUINTA POSIÇÃO NO RANKING NACIONAL DE ABERTURA DE EMPRESAS/ COM TEMPO MÉDIO DE DEZESSEIS HORAS/ SE TORNANDO O SEGUNDO ESTADO MAIS RÁPIDO DO NORDESTE/ FICANDO ATRÁS APENAS DE SERGIPE// ESTE DESEMPENHO FOI POSSÍVEL COM A IMPLANTAÇÃO/ POR PARTE DA JUCEB/ JUNTA COMERCIAL DA BAHIA/ DE FUNCIONALIDADES QUE AUTOMATIZAM ETAPAS DO PROCESSO DE ABERTURA DAS EMPRESAS/ REDUZINDO O TEMPO DE ANÁLISE DOS PEDIDOS DE VIABILIDADE LOCACIONAL/ A CARGO DAS SECRETARIAS MUNICIPAIS/ ONDE O EMPREENDEDOR VERIFICA SE A ATIVIDADE A SER DESENVOLVIDA PELA EMPRESA PODE SER REALIZADA NAQUELA ÁREA// ESSE AVANÇO NO RANKING NACIONAL FOI DESTACADA PELO PRESIDENTE DO DEPARTAMENTO NACIONAL DE REGISTRO EMPRESARIAL E INTEGRAÇÃO/ ALLAN TURANO/ E O PRESIDENTE DA FENAJU/ ALZENIR PORTO/ DURANTE O QUADRAGÉSIMO PRIMEIRO ENAJ/ ENCONTRO NACIONAL DAS JUNTAS COMERCIAS/ OCORRIDO EM CURITIBA// A AGILIDADE NA LEGALIZAÇÃO DE EMPRESAS É ESSENCIAL PARA TORNAR O AMBIENTE DE NEGÓCIOS DA BAHIA MAIS CÉLERE E MAIS ATRATIVO// A JUCEB/ POR MEIO DESSAS AÇÕES/ PASSOU A AGIR COMO UM VERDADEIRO FACILITADOR DA ATIVIDADE EMPREENDEDORA NO ESTADO/ PRINCIPAL GERADORA DE EMPREGO E RENDA PARA OS BAIANOS///

COM INFORMAÇÕES DA SECOM BAHIA/ ANDERSON OLIVEIRA///