A 4ª edição da série “BTCA Encontros” do Balé Teatro Castro Alves (BTCA) convida o Balé da Cidade de Teresina, do Piauí, para uma maratona de quatro dias, com quatro aulas de dança, promovidas numa parceria entre os dois grupos, cujos elencos participam das atividades junto com os demais participantes inscritos, ao vivo, em sala virtual na ferramenta Zoom Meeting. Sempre às 14h30, no dia 14 de setembro, haverá uma turma de Balé Clássico, com Leonard Henrique, e, no dia 15, de Pilates, com Ticiana Garrido, ambos membros da companhia oficial de dança da Bahia. Já no dia 16, será uma aula de Jazz, com Jeciane Sousa, e, no dia 17, de Dança Contemporânea, com Felipe Rodrigues, integrantes do Balé convidado. Interessados devem fazer inscrição das 9h às 11h no dia de cada aula, através de preenchimento de formulário disposto nas redes sociais do BTCA.

Com direção de Chica Silva e coordenação artística de Janaína Lobo, o Balé da Cidade de Teresina, com 27 anos de história, é também uma companhia pública de dança contemporânea. Atuando no cenário artístico local e nacional, contribui com o desenvolvimento e aprofundamento da dança piauiense através da sua atuação compromissada em diferentes ações, como temporadas de apresentações públicas, conversas e formação continuada. O Balé da Cidade de Teresina conta com 18 bailarinos e é mantido pela Prefeitura Municipal de Teresina, através da Associação dos Amigos do Balé da Cidade de Teresina.

Sobre o “BTCA Encontros”

O projeto investe em trocas com companhias do Brasil e de outros países, seguindo uma tendência do setor que mantém a importância de intercâmbios, mesmo que a distância. Nestas parcerias, são realizadas aulas, conversas e outras práticas de compartilhamento de conhecimentos, sempre abertas ao público de profissionais, estudantes e demais interessados pelo universo da dança. O “BTCA Encontros” nasceu a partir de uma experiência do BTCA com a Cia. Jovem de Jundiaí, que já vem realizando ações deste tipo em suas redes e que promoveu uma aula de balé clássico, em maio, em conjunto entre os dois grupos. A aproximação com outros corpos artísticos com trajetórias de sucesso é uma oportunidade de qualificação e networking para o próprio BTCA e a classe da dança da Bahia e do Brasil.

BTCA

Companhia pública de dança contemporânea fundada em 1981, o Balé Teatro Castro Alves (BTCA) tem direção artística de Wanderley Meira e é um corpo artístico estável do Teatro Castro Alves (TCA), vinculado à Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb) e à Secretaria de Cultura do Governo do Estado da Bahia (SecultBA). Conta no seu repertório com mais de 90 montagens de importantes coreógrafos. Em sua história recente, destacam-se “Lub Dub” (2017), “Urbis in Motus” (2017), “Tamanho Único” (2018), “CHAMA: Coreografia para artistas incendiárixs” (2018) e “A História do Soldado” (2019), esta em parceria com a Orquestra Sinfônica da Bahia (Osba).

Fonte: Ascom/