A UEFS/ UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA DE SANTANA/ PROMOVEU/ NESTA QUINTA-FEIRA/ UMA SESSÃO CIENTÍFICA PARA DISCUTIR A SITUAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA DA COVID-19 E DA VARÍOLA DOS MACACOS NO BRASIL// O EVENTO FOI MEDIADO PELA COORDENADORA DO NÚCLEO DE PESQUISA E EXTENSÃO EM VIGILÂNCIA DA SAÚDE DA UEFS/ ERENILDE MARQUES/ E CONTOU COM A PRESENÇA DE PROFESSORES/ ESTUDANTES/ PESQUISADORES E PROFISSIONAIS DE SAÚDE// TEMAS COMO AS PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DA DOENÇA/ COMO EVITAR O ESTIGMA EM RELAÇÃO ÀS FORMAS DE TRANSMISSÃO/ AS POLÍTICAS DE SAÚDE COLETIVA PARA REDUZIR A DISSEMINAÇÃO E A AMPLIAÇÃO DA REDE PÚBLICA PARA O DIAGNÓSTICO FORAM DISCUTIDOS NO ENCONTRO// DE ACORDO COM O ÚLTIMO BOLETIM DA SESAB/ A SECRETARIA DA SAÚDE DO ESTADO/ FORAM CONFIRMADOS VINTE E CINCO CASOS DA DOENÇA NO ESTADO/ EM PESSOAS QUE MORAM NOS MUNICÍPIOS DE FEIRA DE SANTANA/ SANTO ANTÔNIO DE JESUS/ SALVADOR/ CAIRU/ ILHÉUS/ XIQUE-XIQUE/ MUTUÍPE E CONCEIÇÃO DO JACUÍPE// OS BOLETINS SÃO PUBLICADOS NO SITE WWW.SAUDE.BA.GOV.BR/BOLETINSMONKEYPOX//

COM INFORMAÇÕES DA SECOM BAHIA/ ALEXANDRE SANTANA///