A editoria de Educação do jornal O Globo indicou o Pelourinho, no Centro Histórico de Salvador, como o primeiro de dez pontos turísticos que ajudam a compreender a história do Brasil e do mundo. Os locais foram escolhidos por professores, com a proposta de que alunos passeassem durante as férias, mas sem se desconectar dos estudos.

Relacionado à cultura brasileira e memórias da escravidão, o Pelourinho teve como pontos de destaque a Fundação Casa de Jorge Amado, “repleta de materiais ligados à religiosidade afro-brasileira e à produção do escritor”, e o Terreiro de Jesus. A indicação foi do professor Luiz Antônio Simas, de um colégio particular do Rio de Janeiro.

Na lista de indicações, outros destinos nacionais escolhidos são o Rio de Janeiro, onde foram indicados para visitação o Museu da República e a região da Cinelândia, no centro, o Centro Histórico de Ouro Preto, em Minas Gerais, e o Rio Grande do Sul, com o Sítio Arqueológico de São Miguel das Missões.

Já no exterior, os locais indicados foram o Museu do Louvre, na França, Atenas, na Grécia, a Colônia do Sacramento, no Uruguai, Machu Picchu, no Peru e e Auschwitz, na Polônia.