Com uma agenda de interesses específicos da Bahia e assuntos nacionais, o governador Jaques Wagner participou, nesta quarta-feira (21), em Brasília (DF), de reuniões com o presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia, ministros e governadores de outros estados.

Para tratar de projetos de mobilidade urbana para a Copa de 2014, o governador se reuniu com a ministra do Planejamento, Miriam Belchior. Depois, teve um encontro com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, quando discutiram a situação dos presídios de Vitória da Conquista e Barreiras. Por último, participou de reunião com o ministro da Secretaria Nacional da Aviação Civil, Wagner Bitencourt, na qual foram abordados os novos aeroportos de Vitória da Conquista e de Ilhéus.

Em um almoço com governadores de diversos estados, a ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvati, e o presidente da Câmara dos Deputados, Jaques Wagner defendeu a busca do consenso como forma de sensibilizar a União para a criação da Contribuição Social para a Saúde (CSS). Para ele, a vantagem da CSS é ser um tributo de difícil sonegação e cuja cobrança respeita os desiguais economicamente. "Não pune o mais pobre", disse.

Wagner convida Dilma para o Ano Internacional dos Afrodescendentes

O governador encaminhou pessoalmente ao gabinete da presidente Dilma Rousseff convite para que ela participe da abertura do encontro dos países ibero-americanos, caribenhos e africanos em comemoração ao Ano Internacional dos Afrodescendentes. O encontro será realizado entre os dias 16 e 19 de novembro, em Salvador, e vai reunir chefes de Estado e de Governo, parlamentares e representações do movimento social negro.

Na agenda, estão previstos encontros com a sociedade civil, a realização de mesas temáticas e uma reunião de chefes de Estado, programada para o dia 19, além de uma ampla programação cultural. As atividades vão se integrar às celebrações do Dia da Consciência Negra, comemorado em 20 de novembro.

O encontro é organizado pela Secretaria Geral Ibero-Americana (Segib), Ministério das Relações Exteriores e Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial da Presidência da República, em parceria com a Fundação Palmares e secretarias de Promoção da Igualdade e de Assuntos Internacionais do Governo da Bahia.

Publicada às 13h15
Atualizada às 20h