27/09/2019 - 16:54

Sistema estadual avalia aprendizado de alunos em português e matemática

Na Escola Estadual Rotary, no bairro de Itapuã, em Salvador, estudantes do 9º ano do Ensino Fundamental fizeram a prova do Sistema de Avaliação Baiano de Educação (Sabe), aplicada pela Secretaria da Educação do Estado, nesta sexta-feira (27). Mais de 170 mil alunos do 5º e 9º ano do Ensino Fundamental e do 3º ano do Ensino Médio responderam às questões da prova, nas disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática, em toda a Bahia. 
 
O resultado ajudará a construir um diagnóstico do processo de aprendizagem. "O objetivo é implementar uma avaliação externa na nossa rede estadual, mas uma avaliação própria, que não dependa apenas dos resultados do Ministério da Educação. As principais redes estaduais no Brasil já possuem um sistema próprio, que é uma forma de tirar a temperatura sobre como anda a aprendizagem dos alunos e o desempenho deles, sobretudo em Língua Portuguesa e Matemática, que é o foco da avaliação deste ano", explicou a superintendente de políticas para a Educação Básica, Manuelita Brito.
 
No Rotary, a avaliação abrange 245 alunos do 9º ano, nos turnos matutino e vespertino. "A importância da avaliação vem exatamente no sentido de melhorar os resultados do Ideb [Índice de Desenvolvimento da Educação Básica]. A Secretaria da Educação do Estado auxilia o professor a ver o aluno de uma forma singular. Nós vamos interferir exatamente na dificuldade que o aluno tem no aprendizado geral", declarou a diretora da Escola Rotary, Vandra Queiroz.
 
O Sabe precede as provas do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), promovido pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), do Ministério da Educação. Este ano, o Saeb está marcado para 31 de outubro e 1º de novembro. As médias de desempenho do Saeb, juntamente com os dados sobre aprovação obtidos no Censo Escolar, compõem o Ideb.
 
Repórter: Lina Magalí