A BAHIA LIDERA O RANKING DOS CINCO PRINCIPAIS ESTADOS NA GERAÇÃO ACUMULADA DE ENERGIA SOLAR E EÓLICA/ ENTRE JANEIRO E AGOSTO DE 2021// JUNTAS/ AS FONTES RENOVÁVEIS DEVEM INVESTIR CERCA DE TRINTA E SETE BILHÕES DE REAIS EM MUNICÍPIOS BAIANOS/ NOS PRÓXIMOS ANOS/ ALÉM DOS VINTE E CINCO BILHÕES E SETECENTOS MILHÕES DE REAIS JÁ INJETADOS NO ESTADO/ PARA A CRIAÇÃO DE PARQUES EÓLICOS E SOLARES// OS DADOS SÃO DA CÂMARA DE COMERCIALIZAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA E CONSTAM NO INFORME EXECUTIVO DE ENERGIA EÓLICA E SOLAR DE OUTUBRO/ DIVULGADO NA ÚLTIMA SEGUNDA-FEIRA/ PELA SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO DO ESTADO// NA COMPARAÇÃO COM AGOSTO DE 2020/ HOUVE UM AUMENTO DE CATORZE PORCENTO NA GERAÇÃO DE ENERGIA EÓLICA// A GERAÇÃO DE EMPREGOS TAMBÉM É FAVORÁVEL QUANDO SE FALA NO SEGMENTO DAS ENERGIAS RENOVÁVEIS// NO INFORME EXECUTIVO SOLAR/ É DESTACADA A CRIAÇÃO DE TREZE MIL POSTOS DE TRABALHO DIRETOS NA FASE DE CONSTRUÇÃO DOS PARQUES QUE JÁ ESTÃO EM OPERAÇÃO// A PREVISÃO É QUE SEJAM CRIADOS MAIS DE SESSENTA E QUATRO MIL EMPREGOS DIRETOS NA FASE DE CONSTRUÇÃO DOS NOVOS PARQUES// JÁ EM ENERGIA EÓLICA/ A GERAÇÃO FOI DE MAIS DE CENTO E QUARENTA E OITO MIL EMPREGOS EM TODA CADEIA PRODUTIVA/ SENDO MAIS DE CINQUENTA E SETE MIL CONTRATAÇÕES DIRETAS NA FASE DE CONSTRUÇÃO DOS PARQUES QUE JÁ ESTÃO EM OPERAÇÃO// ALÉM DISSO/ ESTÁ PREVISTA A CRIAÇÃO DE MAIS SESSENTA E NOVE MIL EMPREGOS DIRETOS E INDIRETOS PARA OS PARQUES QUE ESTÃO EM CONSTRUÇÃO E EM PROJETO///

COM INFORMAÇÕES DA SECOM BAHIA/ ALEXANDRE SANTANA///