O SEGMENTO DA INDÚSTRIA NA BAHIA GEROU/ ENTRE JANEIRO A AGOSTO DESSE ANO/ TRINTA E UM MIL TREZENTOS E VINTE E TRÊS POSTOS DE TRABALHO// SOMENTE EM AGOSTO/ O SALDO POSITIVO DE EMPREGOS FOI DE QUATRO MIL NOVECENTOS E NOVENTA E TRÊS/ PUXADO PELOS SETORES DE COURO E CALÇADOS/ ALIMENTÍCIOS/ E MINERAIS NÃO-METÁLICOS// AS INFORMAÇÕES SÃO DO INFORME DA INDÚSTRIA DE OUTUBRO/ DA SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO DO ESTADO// EM AGOSTO DE 2021/ AO SE COMPLETAR UM ANO E CINCO MESES DO INÍCIO DA PANDEMIA DO CORONAVÍRUS/ AS MAIORES TAXAS DE CRESCIMENTO FORAM OBSERVADAS NOS SETORES DE INFORMÁTICA/ SEGUIDO DE COURO E CALÇADOS/ E PAPEL E CELULOSE///

COM INFORMAÇÕES DA SECOM BAHIA/ ANTÔNIO ANSELMO///