A Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (SIHS) publicou, na última semana no Diário Oficial do Estado (DOE), o extrato de contratação da empresa que ficará responsável pelas obras complementares da 1° etapa e 2° etapa, e a operacionalização do sistema de Esgotamento Sanitário (SES) do município de Jacobina.

As obras serão executadas através da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), vinculada à SIHS, e contarão com investimentos da ordem de R$ 22 milhões. O escopo previsto para conclusão da 1ª etapa do SES de Jacobina inclui a execução de interceptor, ligações intradomiciliares, reparos na linha de recalque e no emissário por gravidade. Já os trabalhos para a 2ª etapa compreendem a execução de rede coletora, ramais prediais, rede auxiliar e 1.070 ligações intradomiciliares, além de terraplenagem das lagoas e execução de interligação das lagoas facultativa e de maturação.

“As obras do SES Jacobina vão contribuir para a despoluição do Rio Itapicuru-Mirim, integrante da Bacia Hidrográfica do Rio Itapicuru, melhorando a saúde pública com a redução de doenças de veiculação hídrica, beneficiando mais de 30 mil moradores. O projeto prevê ainda melhorias significativas nas condições ambientais e na qualidade de vida da população beneficiada pela obra”, informou o titular da SIHS, Leonardo Góes

Os trabalhos terão prazo de 540 dias para conclusão após a assinatura da ordem de serviço.

Fonte: Ascom/SIHS