O pagamento dos R$ 150 mensais para as famílias de estudantes da rede estadual de ensino em situação de vulnerabilidade socioeconômica e cadastradas no CadÚnico vai continuar. Durante o Papo Correria, transmitido ao vivo pelas redes sociais na noite desta terça-feira (28), o governador Rui Costa informou que a Bolsa Presença será prorrogada na Bahia.

O benefício alcança 311 mil famílias, totalizando R$ 280 milhões de investimento com recursos próprios do Estado. O programa visa apoiar financeiramente as famílias; contribuir para evitar o abandono escolar; e fortalecer a aprendizagem. Para mais informações, acesse www.educacao.ba.gov.br/bolsapresenca.