Depois do início das aulas semipresenciais dos estudantes do Ensino Médio da rede estadual de ensino, no dia 26 de julho, chegou a vez dos alunos do Ensino Fundamental iniciarem o ensino híbrido, a partir desta segunda-feira (09). São mais de 125 mil estudantes que retornam às salas de aula. A superintendente de políticas para a educação básica da Secretaria da Educação do Estado, Manuelita Brito, ressalta que as escolas foram preparadas com todos os protocolos sanitários recomendados para evitar a disseminação da covid-19. Ela informa que foram investidos mais de R$ 300 milhões para adequação das unidades escolares, com aquisição de termômetros para a aferição da temperatura, disponibilização de pias e álcool 70% para higienização das mãos e distanciamento entre as carteiras. As turmas serão divididas em 50%, com aulas presenciais dia sim, dia não. Nos outros dias, os estudantes participam das aulas e atividades remotas, em casa. O uso de máscaras é obrigatório em todas as escolas.