Com atendimento presencial suspenso desde março, a partir da próxima segunda-feira (12), as unidades da Fundação Pedro Calmon (FPC/SecultBa) retornam suas atividades, seguindo as determinações dos Decretos Nº 34.085, de 28 de junho de 2021, e Nº 33.717, de 01 de abril de 2021, que permitem o funcionamento dos Centros Culturais, Museus, Galerias de arte, Bibliotecas e Arquivos.

A FPC reforça que todos os servidores e visitantes continuem mantendo os protocolos de segurança de combate à Covid-19, sendo necessário o agendamento prévio e uso de Equipamentos de Proteção. Para o diretor geral da FPC, Zulu Araújo, o momento é de comemoração, “porque poderemos voltar a cumprir nossa missão que é de servir ao público, em torno de algo que é fundamental, a produção de conhecimento”, garante.

A Biblioteca Central do Estado da Bahia (BCEB), Biblioteca Anísio Teixeira (BAT), Biblioteca Infantil Monteiro Lobato (BIML), Biblioteca Pública Thales de Azevedo (BPTA), o Arquivo Público do Estado da Bahia (APEB), a Casa Afrânio Peixoto (CAP), o Memorial dos Governadores Republicanos da Bahia (MGRP) e o Centro de Memória da Bahia (CMB), retomam o serviço de atendimento presencial, de segunda à sexta-feira, das 10h às 17h.

Já a Biblioteca de Extensão (BIBEX) retoma as visitas técnicas, sem a participação de público. E a Biblioteca Juracy Magalhães Júnior de Itaparica permanece fechada por conta da obra de restauração.