A Secretaria da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura da Bahia (Seagri) está publicizando mais uma edição de seu boletim Commodities Agrícolas da Bahia, que neste número aborda a fruticultura. O trabalho traz estudos e números a respeito da cadeia produtiva de várias frutas, suas regiões de maiores áreas plantadas, produção etc.

A Bahia tem 664 mil hectares plantados com frutas, resultando em uma produção que ultrapassa os três milhões de toneladas/ano. Atualmente, o estado possui uma grande diversidade de frutas sendo cultivadas em seu território. São as pinhas e melões da região de Irecê; o limão da Chapada Diamantina; a uva do Vale do São Francisco; a banana de tantos lugares, com destaque para Bom Jesus da Lapa, cidade que é a segunda maior produtora individual dessa fruta no país; e por aí vai.

Sobre o documento, o secretário da Agricultura, João Carlos Oliveira, destaca que “a Seagri entende seu papel de desenvolvedora de políticas públicas que venham a beneficiar os negócios do campo. Também se esforça no desenvolvimento de pesquisas e levantamentos, como o aqui apresentado, que mostrem o momento de cada cultura no estado, comparando dados em séries históricas, oferecendo informações sobre estimativas futuras, enfim, fomentando com informações e dados referenciados todos os setores do Agro”.

O boletim Commodities Agrícolas da Bahia é elaborado pela Superintendência de Política do Agronegócio (SPA) da Seagri.
Clique no link abaixo e tenha acesso ao boletim:
Commodities Agrícolas da Bahia – Fruticultura

Fonte: Ascom/Seagri