Mesmo com o retorno das aulas presenciais na Bahia, o programa Bolsa Presença vai continuar. É o que garante o governador Rui Costa. Nesta terça-feira (28), em transmissão ao vivo do programa Papo Correria, pelas redes sociais, ele confirmou que existem mais três parcelas previstas a serem pagas nos dias 10 de agosto, 10 de setembro e 10 outubro e disse que, se for necessário, pode manter o benefício até o final do ano.

O Bolsa Presença é umas das ações do programa Estado Solidário e garante R$ 150 por mês para as famílias de estudantes da rede estadual de ensino que são cadastradas no Cadúnico, o cadastro de programas sociais do país – o mesmo que garante acesso ao Bolsa Família e outras iniciativas de apoio à população mais vulnerável.