Em maio deste ano, a Bahia gerou 10.040 postos de trabalho com carteira assinada. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) e foram divulgados na última quinta-feira (01). Foram 56.534 admissões e 46.494 desligamentos em maio. Com isso, o estado liderou a geração de empregos formais no Nordeste. Superintendente do SineBahia, Marcelo Gavião, espera que o Serviço Estadual de Intermediação para o Trabalho continue captando vagas para oferecer aos trabalhadores. Ele destaca que existem diversas oportunidades na capital e no interior e ressalta que, por conta da pandemia, os trabalhadores devem agendar o atendimento antes de se dirigirem às unidades. O agendamento deve ser feito através do aplicativo SAC Digital ou pelo portal www.sacdigital.ba.gov.br.