A 11ª Semana de Valorização do Trabalho Doméstico será realizada nestas terça e quarta-feira (27 e 28 de abril), de forma virtual, com uma programação composta por painel temático, roda de conversa e apresentações de estudos e projetos. O evento é uma realização da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre) e marca as comemorações do Dia Nacional da Trabalhadora e do Trabalhador Doméstico, celebrado em 27 de abril.

No primeiro dia, às 14h, a mesa de abertura discute cenário, relatos e perspectivas do trabalho doméstico no Brasil e na Bahia, com ênfase nos impactos da pandemia na atividade profissional. Os participantes serão o titular da Setre, Davidson Magalhães; a secretária estadual de Políticas para as Mulheres, Julieta Palmeira; a deputada estadual Olívia Santana; a presidenta do Sindoméstico-Bahia e secretária Geral do Fenatrad, Creuza Oliveira; o representante da Organização Internacional do Trabalho José Ribeiro; o procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho na Bahia, Luís Carneiro, e o representante do INSS Jean Abreu.

Em seguida, será realizada a roda de conversa “Relatos de Trabalhadoras/es domésticas/os a partir das escutas de diretoras/es e do jurídico do Sindoméstico”. O objetivo é analisar e oferecer orientações legais sobre casos de assédio moral, violência doméstica, preconceito racial e intolerância religiosa, entre outros, nas relações de trabalho.

A programação da quarta-feira (28) terá início às 17h, com a exposição do estudo “Emprego e Desemprego no Segmento do Trabalho Doméstico em Tempos de Pandemia”, realizado pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI). A apresentação do Projeto de Fiscalização do Trabalho Doméstico em Salvador, pela Superintendência Regional do Trabalho na Bahia, marca o encerramento do evento.

A programação será transmitida por meio da página da Setre no Facebook.

Fonte: Ascom/Setre