O governador da Bahia, Rui Costa, criticou mais uma vez o posicionamento da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que negou a importação da vacina russa Sputinik V para o Brasil. Em entrevista à Globo News, nesta sexta-feira (30) ele disse que espera que o órgão federal pegue um lote do imunizante e faça um teste para comprovar ou não sua eficácia e acabar com polêmicas em torno da questão. Além disso, o governador ressaltou que o Brasil já acumula mais 400 mil mortes pela covid-19 e enfatizou: “nós queremos a vacina para salvar vidas humanas”.