Durante live em suas redes sociais na manhã desta terça-feira (20), o governador Rui Costa anunciou o envio de projeto de lei à Alba – Assembleia Legislativa da Bahia – que garante menor fluxo de progressão na carreira militar do Estado, permitindo que o praça ou soldado atinja a formação de tenente em menor espaço de tempo em relação ao quadro atual. Ao todo, são 4.256 vagas de promoção previstas em 2021 para diferentes patentes.

A promoção da carreira de praças pode resultar em ganhos salariais para os policiais e bombeiros militares que variam conforme a sua patente. Um soldado quando é promovido a cabo, por exemplo, tem ganho salarial aproximado de 6%. Já quando sai de cabo para sargento, o ganho é de 8,37%; e, de 1° sargento para subtenente, chega a 7,25%. Quando é promovido de subtenente a 1° tenente, o policial ou bombeiro militar tem ganho salarial médio de 30%.

A promoção de oficiais também resulta em importantes ganhos salariais para os policiais e bombeiros militares. Quando promovido de 1° tenente para capitão, o salto salarial chega a 20,20%. Já de capitão para major, o ganho é de 19,96%.