A Secretaria da Educação do Estado da Bahia continua, até 14 de abril, com o processo de matrícula para o ano letivo 2020/21 de alunos novos e de transferência para estudantes da rede que desejam mudar de escola. A matrícula é feita por blocos de municípios e Núcleos Territoriais de Educação (NTE) e os pais ou estudantes precisam consultar as datas, conforme o cronograma disponível no Portal da Educação (estudantes.educacao.ba.gov.br/matricula2021). A relação dos municípios correspondentes a cada NTE e os telefones das escolas também estão disponíveis no Portal da Educação. Quem é aluno da rede estadual já teve a matrícula renovada automaticamente.

A matrícula para alunos novos pode ser feita pelo SAC Digital, no endereço eletrônico www.sacdigital.ba.gov.br/, ou pelo aplicativo SAC Digital (disponível, gratuitamente, nos sistemas Android e IOS). Para os estudantes ou pais sem acesso à internet, a matrícula pode ser realizada em qualquer escola da rede estadual, mesmo não sendo aquela que o estudante vá estudar, mediante agendamento prévio por telefone. Este também é o critério para os estudantes que são da rede e queiram mudar de escola.

Da última sexta-feira (26) até esta quarta-feira (31), foram efetivadas as matrículas de concluintes do 5º ano ou 9º ano do Ensino Fundamental regularmente matriculados na rede pública de 127 municípios, no ano letivo de 2020, cujas escolas não oferecem a série subsequente, além do ingresso de candidatos em unidades escolares da rede estadual em qualquer ano/série para os ensinos Fundamental e Médio.

Em Mirangaba, a 370 km de Salvador, a estudante Vitória Santos, 20, já realizou a sua matrícula para cursar o 1º ano no Centro Educacional Sóror Joana Angélica. “Acabei de fazer a matrícula e estou muito contente, porque quero muito concluir os estudos e atingir as minhas metas. O atendimento foi organizado e seguro, pois fui orientada a passar álcool em gel, mediram a minha temperatura e sentei nas cadeiras arrumadas com espaçamento até ser atendida. Estou animada para as aulas”, comentou.

Este segundo bloco, finalizado nesta quarta (31), contemplou os seguintes NTEs: Teixeira de Freitas (NTE 07); Amargosa (NTE 09); Juazeiro (NTE 10); Barreiras (NTE 11); Macaúbas (NTE 12); Caetité (NTE 13); Itaberaba (NTE 14); Ipirá (NTE 15); Jacobina (NTE 16); e Paulo Afonso (NTE 24). Dentre as cidades, destacam-se: Angical, Boquira, Lajedão, Mundo Novo, Serra Preta, Rodelas, Glória, Ubaíra e Wanderley, entre outras.

A partir da próxima segunda-feira (5), até o dia 8 de abril, será realizado o terceiro bloco de matrículas, correspondendo os seguintes NTEs: Ribeira do Pombal (NTE 17); Alagoinhas (NTE 18); Feira de Santana (NTE 19); Vitória da Conquista (NTE 20); Santo Antônio de Jesus (NTE 21); Jequié (NTE 22); e Santa Maria da Vitória (NTE 23). Dentre os municípios, destacam-se: Aporá, Esplanada, Rio Real, São Felipe, Ubatã e Varzedo, entre outros.

Como faz a matrícula on-line

Para fazer a matrícula on-line, o estudante deve fazer o cadastro no SAC Digital. Basta acessar o endereço www.sacdigital.ba.gov.br na internet e clicar na opção “Cadastre-se”. Caso prefira, o estudante pode fazer seu cadastro no aplicativo SAC Digital. O app está disponível para celulares Android e iOS. Se o aluno novo for menor de 16 anos, o cadastro deverá ser feito em nome dos pais ou do responsável.

Na internet ou no app, será necessário preencher e fornecer dados pessoais, como nome completo, CPF, data de nascimento, e-mail e telefones para contato, entre outros, clicando em “Avançar”. Nas páginas seguintes, serão preenchidas informações sobre endereço do estudante e senha para acesso à plataforma. Todos os dados fornecidos serão confirmados na quarta e última páginas.

Uma mensagem será enviada para o e-mail cadastrado no SAC Digital para a ativação da conta. Com isso, o estudante poderá acessar a plataforma em “Entrar”, fornecendo senha e login, e buscar o serviço “Solicitar matrícula para aluno novo”.

Para a comprovação da matrícula, os alunos novos precisarão apresentar, em data a ser agendada com a escola, os seguintes documentos: original do Histórico Escolar; original e cópia da Cédula de Identidade ou Certidão de Registro Civil; original e cópia do CPF; original e cópia legível com data recente do comprovante de residência (água, luz, telefone fixo ou móvel, gás encanado, Internet, contrato de aluguel, IPTU, cartão de crédito ou TV por assinatura); original e cópia da carteira de vacinação; cópia da Cédula de Identidade da mãe do aluno; e cópia do CPF da mãe do aluno.

Fonte: Ascom/ Secretaria da Educação do Estado