Com as medidas restritivas implementadas na Bahia para conter o avanço do coronavírus, os casos ativos da doença, que chegaram ao patamar de 21 mil, reduziram para cerca de 17 mil. Já o índice de exames positivos para covid-19 no Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA), que estavam em 60% antes dos decretos estaduais, agora estão em 44%. As informações foram dadas pelo governador Rui Costa, em entrevista à TV Bahia nesta quinta-feira (18). Ele ressaltou que a redução dos casos ainda não foi suficiente para gerar uma queda na demanda por leitos nos hospitais.