O governador Rui Costa frisou que a determinação para o toque de recolher na Bahia a partir de sexta-feira (19), com restrição de circulação de pessoas e funcionamento de estabelecimentos das 22h às 5h, é para evitar que o sistema de saúde do estado fique sobrecarregado, fazendo com que as pessoas tenham dificuldade no acesso a leitos de internação.

O governador ressaltou que as decisões são tomadas com foco no combate à pandemia do coronavírus e questionou: “o que é mais importante: é salvar vidas humanas ou permitir que as pessoas façam farra depois das 22 horas?”.