O governador Rui Costa avalia que a vacinação contra o coronavírus na Bahia está em “ritmo bom” e lembra que o estado é um dos que mais aplicaram as doses, juntamente com São Paulo. No entanto, Rui lembra que a quantidade de vacinas disponibilizada pelo Ministério da Saúde foi muito pouca e reafirma que a Bahia segue com ação junto ao Supremo Ttribunal Federal (STF) para fazer a aquisição de doses da vacina russa Sputinik V.

Na quarta-feira (20), o relator da ação, ministro Lewandowisk, deu um prazo de 72 horas para que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) se pronuncie sobre a autorização da vacina russa. A Bahia possui um contrato de prioridade para receber até 50 milhões de doses da Sputinik V.