Ladesa
Foto: Adab

Situado na estrutura anexa à sede da Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), em Salvador, o Laboratório de Sanidade Animal (Ladesa) agora passa a contar com o setor de análise de alimentos, o que vai possibilitar maior agilidade aos procedimentos da Diretoria de Inspeção da autarquia, assegurando qualidade e unificação das pesquisas, além de complementar as atividades já existentes.

Com o laboratório, aumenta o controle sobre a qualidade dos produtos de empresas certificadas com o selo estadual. O ato de inauguração da ampliação do equipamento ocorreu nesta segunda-feira (21), com a presença do secretário estadual da Agricultura, Lucas Costa.

A estrutura foi reforçada com a chegada de aparelho de biologia molecular, que utiliza a técnica PCR para análise de microorganismos presentes nos alimentos, câmera de fluxo laminar, estufas e autoclaves. “O maquinário será utilizado para diagnóstico rápido, oferecendo suporte aos servidores da Adab que atuam na fiscalização do processo de produção industrial de alimentos”, explica o responsável técnico do laboratório, Jorge Ribas.

O diretor de Inspeção, Rafael Mendes, destaca que “o funcionamento do setor é uma grande conquista da Adab, pois serão realizadas análises físico-química e microbiológica de produtos de Origem Agropecuária, complementando ações de fiscalizações do Sistema de Inspeção Estadual (SIE) e Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Agropecuária (SISBI/POA) e, assim, permitir a oferta de alimentos seguros e de qualidade para a sociedade baiana”.

Eficiência

“O investimento na rede laboratorial de diagnósticos reflete na eficácia dos programas nacionais de combate a qualquer doença animal e vegetal como também na análise da qualidade microbiológica de produtos de origem animal, como leite, carne e ovos”, afirma a coordenadora de Vigilância Epidemiológica, Maria Tereza Mascarenhas.

O diretor-geral da Adab, Maurício Bacelar, também ressalta a relevância da ampliação do Ladesa. “Os serviços laboratoriais representam grande avanço tecnológico em qualquer sistema de defesa agropecuária já que os resultados produzidos por suas pesquisas propiciam suporte epidemiológico altamente confiável a qualquer tomada de decisão em suspeitas de enfermidades em campo”.

Também nesta segunda (21), a Adab recebeu 15 novos carros para reforçar as ações de defesa agropecuária. A entrega foi realizada pelo superintendente regional da Agricultura, Paulo Emílio Torres, que destacou a importância do convênio firmado com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) para reestruturar ações educativas, de fiscalização e monitoramento da vigilância sanitária na Bahia.

“A agência vai começar 2022 com novo fôlego. A ampliação da frota assegura um trabalho ainda mais eficiente para execução de ações relevantes no manejo de pragas que atacam as lavouras, enfermidades animais e outras tantas de responsabilidade da Adab”, diz o superintenente.

Fonte: Ascom/Adab