A BAHIA JÁ GASTOU SETECENTOS E UM MILHÕES E TREZENTOS MIL REAIS EM RECURSOS PRÓPRIOS/ EXCLUSIVAMENTE NO COMBATE AOS EFEITOS DA PANDEMIA DO CORONAVÍRUS/ E VÊ A ARRECADAÇÃO DO ICMS/ IMPOSTO SOBRE A CIRCULAÇÃO DE MERCADORIAS E SERVIÇOS/ MELHORAR LENTAMENTE APÓS O FORTE IMPACTO DA CRISE ECONÔMICA PRODUZIDA PELA EMERGÊNCIA SANITÁRIA// O ESTADO  CONSEGUIU PRESERVAR O EQUILÍBRIO FISCAL E MANTER AS CONTAS EM DIA/ ALÉM DE PERMANECER ENTRE OS QUE TEM MAIOR VOLUME DE INVESTIMENTOS PÚBLICOS NO PAÍS// FOI O QUE ENFATIZOU O SECRETÁRIO DA FAZENDA/ MANOEL VITÓRIO/ AO PARTICIPAR NESTA QUARTA-FEIRA DE UMA AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE AS CONTAS DO ESTADO/ NA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA// EM 2020/ OS INVESTIMENTOS CAÍRAM EM TODOS OS ESTADOS/ MAS A BAHIA SE MANTEVE ENTRE OS LÍDERES NO PAÍS E SOMOU UM BILHÃO E QUATROCENTOS MILHÕES DE REAIS ENTRE JANEIRO E AGOSTO///

COM INFORMAÇÕES DA SECOM BAHIA/ ALEXANDRE SANTANA///