A Bahia participará da fase 3 de testes de vacina Sputinik V, produzida pela Rússia. À convite do comitê responsável pela produção do imunizante, os estudos serão feitos pelo Instituto Couto Maia (ICOM). De acordo com a diretora-geral da unidade, Ceuci Nunes, o centro de referência de imunobiológicos do ICOM é um dos mais bem estruturados do Brasil.