O secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-boas, destaca que apesar de alguns municípios sinalizarem o retorno das aulas, a estratégia do governo do Estado é só voltar as aulas presenciais dos ensinos fundamental e médio após o retorno do ensino superior e avaliação dos números.