Testes na Escola Parque
Foto: Josenildo Almeida

As comunidades escolares do Barbalho e Caixa D’Água participam, nesta segunda-feira (26), das testagens para novo Coronavírus. Os atendimentos ocorrem no Centro de Educação Profissional em Apoio Educacional e Tecnologia da Informação – Isaías Alves (Iceia), escola-polo do Barbalho, para sua própria comunidade escolar e a do Centro Estadual de Educação Profissional em Música.

Já na Caixa D’ Água, o Centro Educacional Carneiro Ribeiro – Escola Parque, escola-polo do bairro, atende as comunidades escolares do Centro Educacional Carneiro Ribeiro – Classe III, da Escola Estadual Classe VII – Candolina e dos Colégios Estaduais Marquês de Maricá e Princesa Izabel.

Nesta sexta-feira (23), foi a vez dos estudantes, professores e funcionários do Centro Estadual de Educação Profissional em Gestão, Negócios e Turismo – Luiz Navarro de Britto serem atendidos, no Colégio Estadual Duque de Caxias, escola-polo da Liberdade. Também foram contempladas as comunidades escolares do Centro Educacional Carneiro Ribeiro – Classe I e do Centro Educacional Carneiro Ribeiro – Classe II, que participaram da aplicação dos testes no Centro Educacional Carneiro Ribeiro – Escola Parque, escola-polo de Caixa D’Água.

A enfermeira Eugênia Venet, da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), que atendia na Escola Parque, contou sobre a mobilização e a importância do trabalho com as comunidades escolares. “O pessoal está comparecendo e acredito que a população está vendo a importância do exame. Às vezes, eles chegam um pouco tensos, mas a gente vai conversando e saem daqui até rindo”, disse.

A estudante Vanessa Barbosa, 15, destacou o trabalho dos agentes de saúde na luta contra a pandemia. “É muito legal termos profissionais que possam se dedicar a este trabalho e nos ajudar com este exame. Ter este serviço na escola garante que mais pessoas da comunidade escolar tenham a oportunidade de participar da aplicação dos testes”, comentou.

Para a realização dos exames, as unidades escolares são preparadas com a higienização do local e disponibilização de álcool em gel e pias com sabão para a lavagem das mãos. Também é exigido o uso dos Equipamentos de Proteção Individual (EPI). E todos aqueles que forem fazer o teste devem usar máscara de proteção. Os testes são avaliados pelo Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen).

Cronograma geral

  • No dia 26, no Barbalho, o Centro de Educação Profissional em Apoio Educacional e Tecnologia da Informação – Isaías Alves (ICEIA), escola-polo do bairro, atende sua própria comunidade escolar e a do Centro Estadual de Educação Profissional em Música;
  • Na mesma data, 26 de outubro, o Centro Educacional Carneiro Ribeiro – Escola Parque, escola-polo do bairro Caixa D’ Água, realiza as testagens das comunidades escolares do Centro Educacional Carneiro Ribeiro – Classe III, da Escola Estadual Classe VII – Candolina e dos colégios estaduais Marquês de Maricá e Princesa Izabel;
  • Já no dia 27, os testes acontecem no Centro de Educação Profissional em Apoio Educacional e Tecnologia da Informação – Isaías Alves (ICEIA), escola-polo do bairro Barbalho, que atende a comunidade escolar da Escola Estadual Presidente Getúlio Vargas;
  • Ainda no dia 27 de outubro, o Colégio Estadual Helena Celestino Magalhães, escola-polo do bairro IAPI, atende a própria comunidade escolar;
  • No dia 28, em Nazaré, o Centro Estadual de Educação Profissional em Gestão – Severino Vieira, escola-polo do bairro, atende a própria comunidade escolar e a da Escola Estadual Severino Vieira.

Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado