Um grupo de hotéis da Bahia teve suas páginas de sites e redes sociais clonadas, causando prejuízos de imagem aos estabelecimentos e também para os clientes. Com o objetivo de discutir soluções para combater esses crimes, o chefe de gabinete da Secretaria do Turismo do Estado (Setur), Benedito Braga, convocou a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (Abih), a Delegacia de Proteção ao Turista (Daltur) e o Grupo Especial de Repressão aos crimes Cibernéticos (GME) para uma reunião.

Na ocasião, ficou definido que haverá uma capacitação para os representantes dos hotéis terem noções básicas de como conduzir os casos de invasão dos  seus perfis,  que será ministrado pelo GME.  O grupo de trabalho também busca agilizar os processos de investigação contra os criminosos.