Com mais de 480 altas contabilizadas, o Hospital de Campanha instalado pelo Estado na Arena Fonte Nova será desativado até esta sexta-feira (16), em função da ampla queda na demanda. Aberta em junho, para tratar exclusivamente de pacientes com sintomas graves da Covid-19, a unidade contava, até o início da tarde desta quarta-feira (14), com apenas três pacientes internados. Diretora da unidade, a médica infectologista Ledívia Espinheira informa que o hospital deixou de receber pacientes regulados desde o dia 30 de setembro e passou a cuidar apenas dos que já estavam internados, que pouco a pouco foram tendo alta.

Implantado pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), o centro de tratamento chegou a contar com 240 leitos no momento de maior atividade registrada. Apenas a rede de gases será mantida, a fim de facilitar a montagem da estrutura, em uma eventual necessidade.