As testagens para o novo Coronavírus nas escolas do Subúrbio Ferroviário de Salvador prosseguem, nesta terça-feira (15), com a participação da comunidade escolar do Colégio Estadual Almirante Barroso, em Paripe, que está sendo atendida na própria unidade escolar. No mesmo local, está sendo testada também a comunidade escolar do Colégio Estadual Edson Tenório Albuquerque. A iniciativa do Governo do Estado, que corresponde à segunda etapa de aplicação dos testes, continua na quarta-feira (16), no Colégio Estadual Barros Barreto, e contemplará as comunidades escolares dos colégios estaduais Sete de Setembro e Maria Odete Pithon Raynal.

A estudante Andreza Costa Silva, 19, 2° ano, do Colégio Estadual Edson Tenório, chegou cedo à escola Almirante Barroso para fazer a sua testagem e comentou sobre a ação. “Achei muito legal esta iniciativa, porque é uma oportunidade para as pessoas que não têm condições de pagar para fazer o teste e checar como está a sua saúde em relação ao Coronavírus. Neste momento de pandemia, precisamos fazer esta testagem para estarmos muito seguros para o retorno das aulas”.

Ciente da necessidade de fazer a testagem, o professor de Educação Física e vice-diretor do Edson Tenório, Nemias Fraga Araújo, também se apresentou cedo na unidade escolar para fazer o teste. “Acredito que seja importante a testagem em massa para se verificar a realidade da comunidade escolar”, disse. O diretor do colégio Edson Tenório, Jairo Francisco dos Santos, também falou sobre a importância da testagem para uma retomada das atividades letivas. “A expectativa é muito grande, vamos voltar em algum momento, a gente sabe disso. Mas, antes, precisa ser feito o que já está sendo realizado, a exemplo da testagem e da reestruturação das escolas”.

O coordenador de Articulação de Projetos para a Educação, Hélder Amorim, fez um balanço da ação realizada por meio das secretariais estaduais da Educação e da Saúde (Sesab). “A testagem está tendo o resultado esperado, estamos conseguindo ter um bom número de pessoas da comunidade escolar fazendo o teste e, portanto, estamos tendo uma mostra significativa. Não temos tido um grande resultado de pessoas positivadas. Então, dentro do que a gente se propõe, que é ter um conhecimento de como a contaminação do Coronavírus está atingindo a rede estadual, acredito que os resultados são importantes para que, depois da análise da Secretaria da Saúde e os órgãos que estão acompanhando, possamos planejar com mais segurança o retorno às aulas no futuro”.

Como acontece a testagem

A testagem acontece de forma centralizada nas escolas denominadas de polos, nos bairros do Lobato, São João do Cabrito, Plataforma, Itacaranha, Alto da Terezinha, São Tomé de Paripe, Paripe, Coutos, Fazenda Coutos, Alto de Coutos, Periperi, Mirantes de Periperi e Vista Alegre de Coutos. O objetivo é facilitar a ida dos estudantes, professores e funcionários e evitar aglomeração.

Para o atendimento, todas as unidades escolares foram preparadas com a higienização do local e disponibilização de álcool em gel e pias com sabão para a lavagem das mãos, além da exigência do uso dos Equipamentos de Proteção Individual (EPI). Os professores e demais pessoas a serem testados deverão utilizar máscaras de proteção para o acesso aos locais. Ao entrar, todos são direcionados para a higienização correta das mãos.



Confira o calendário

– No dia 15 de setembro, o Colégio Estadual Almirante Barroso, polo no bairro de Paripe, atenderá sua própria comunidade escolar e a comunidade do Colégio Estadual Edson Tenório.

– Também escola-polo em Paripe, o Colégio Estadual Barros Barreto atenderá, no dia 16 de setembro, as comunidades escolares do Colégio Estadual Sete de Setembro e do Colégio Estadual Maria Odete Pithon Raynal. E no dia 17, receberá a sua própria comunidade escolar.

– Nos bairros de Coutos e Fazenda Coutos, a escola-polo Colégio Estadual Anfrisia Santiago receberá, no dia 17, a sua própria comunidade escolar. E no dia 18 de setembro, a comunidade escolar do Colégio Estadual Carlos Barros.

– O Colégio Estadual Ana Cristina Mata Pires, escola-polo do bairro Alto de Coutos, receberá sua própria unidade escolar no dia 18 de setembro.

– Em Periperi, as escolas receberão suas próprias comunidades escolares. No Colégio Estadual Praia Grande, a testagem será no dia 21 de setembro; no dia 22, no Colégio Estadual Nelson Mandela; já no dia 23 acontece a testagem no Colégio Estadual Nossa Senhora de Fátima. Já no Colégio Estadual Lindembergue Cardoso, os testes serão no dia 24 de setembro.

– O Colégio Estadual Maria Anita, escola-polo do bairro Mirantes de Periperi, receberá sua própria comunidade escolar no dia 23 de setembro.

– No Alto da Terezinha, haverá testagem apenas no Colégio Estadual Sara Violeta, que atenderá a sua própria comunidade escolar, no dia 24 de setembro.
Fonte: Ascom/ Secretaria da Educação do Estado