Com 914 casos do novo coronavírus confirmados pelo boletim mais recente da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), o município de Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), recebeu mais um reforço do Governo do Estado para combater a doença. Nesta quinta-feira (2), a Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre) entregou 20 mil máscaras de proteção reutilizáveis para entidades e organizações sociais do município.
A Associação Beneficente dos Moradores de Palmares foi uma das beneficiadas com os equipamentos de proteção individual. “Nossa comunidade quilombola tem cerca de seis mil moradores e 11 casos confirmados da doença. As máscaras vão ajudar as pessoas mais carentes, contribuindo para que o número de contaminados não cresça”, destacou o integrante da associação Pedro Ulício.
O representante do Sindicato dos Metalúrgicos de Simões Filho, Josenildo Santos, também reforçou a importância da iniciativa. “As máscaras vêm em um bom momento, diante desta pandemia que estamos atravessando. Vamos fazer a distribuição na porta das fábricas para beneficiar toda a categoria”, afirmou.
Geração de renda 
As máscaras são resultado do projeto Trabalhando em Rede no Combate ao Coronavírus. “A iniciativa já empregou 600 mulheres que têm produzido os itens em suas casas para complementar a renda. É importante fazer com que as máscaras cheguem na mão da nossa população e ela possa se proteger da Covid-19”, ressalta o superintendente estadual de Desenvolvimento do Trabalho, Marcelo Gavião.
No total, serão confeccionadas 2 milhões de máscaras, em quatro polos distribuídos no território baiano. A iniciativa é executada por Organizações da Sociedade Civil (OSC), que são responsáveis pela contratação de profissionais, pagamento da bolsa-produção, aquisição de insumos e acompanhamento de todas as etapas da atividade.
Fonte: Ascom/Setre