O Festival de Economia Solidária São João da Minha Terra conta com nomes expressivos da culinária brasileira e baiana. A ativista de alimentação saudável e consciente e apresentadora, Bela Gil, e o chefe Guga Rocha, do programa Hoje em Dia da Record estão no time que também traz a chefe local, Rosa Gonçalves. Os três mostram a diversidade gastronômica da Bahia em pratos que prometem provocar uma explosão de sabores.

Melaço de cacau, flocão de milho orgânico, carne de jaca, nibs de cacau, azeite de licuri, queijo de cabra, farinha de pupunha, tainha defumada, linguiça de tilápia e até geleia de tamarindo com pimenta são alguns itens que serão utilizados pelos chefes em receitas de dar água na boca. Os produtos são dos 15 territórios de identidade que são atendidos pelos 13 Centros Públicos de Economia Solidária (Cesols) – política pública direcionada para o setor no estado da Bahia.

A realização do festival virtual é fruto de edital público lançado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre). O evento se configura como uma alternativa criativa para empreendedores econômicos solidários driblarem o cenário de pandemia mundial escoando sua produção e ampliando o faturamento.
Venda online de produtos

Produtos dos Cesols podem ser adquiridos no site www.festivalecosolba.com.br e nos perfis de Instagram dos 13 Centros Públicos de Economia Solidária da Bahia (Cesol), equipamentos ligados à Secretaria do Trabalho Emprego, Renda e Esporte (Setre). O festival junino tem a participação de cerca de 450 empreendimentos do segmento. Ao todo, 800 produtos são comercializados com destaque para itens de artesanato, bebidas e alimentos típicos de diversas regiões do estado. A entrega dos itens é realizada de acordo com todas as recomendações de higiene e segurança dos órgãos de saúde.

A realização do evento é fruto de edital público lançado pelo Governo do Estado, por meio da Setre. “Neste momento de crise econômica e sanitária, compreendemos que era necessário fomentar a comercialização das cooperativas, associações e grupos produtivos da Bahia. O festival oferece produtos de qualidade vendidos a preços justos, além de incentivar a população a apreciar o São João em casa, cumprindo o distanciamento social”, ressalta o titular da pasta, Davidson Magalhães.

Fonte: Ascom/ Setre