O cartão vale-alimentação estudantil tem garantido a segurança alimentar de milhares de estudantes da rede estadual de ensino, nos 417 municípios da Bahia. No total, o Governo do Estado já investiu R$ 88 milhões nas duas etapas do programa. Todos os matriculados na rede estadual de ensino têm direito ao benefício de R$ 55 por estudante.

O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, disse que aproximadamente 700 mil estudantes já receberam o cartão. "Nós já conseguimos entregar o cartão vale-alimentação para quase 700 mil estudantes. Existem casos de estudantes que ainda não acessaram o cartão por diversos motivos, seja porque moram longe da escola ou não tiveram condições de transporte. Nós, inclusive, fizemos um mutirão nas escolas, na parceria com prefeituras, Polícia Militar e lideranças comunitárias, para ir até a casa do estudante e viabilizar a entrega. As escolas também foram abertas, seguindo as orientações de higiene e segurança. Se o estudante não recebeu o cartão, nós queremos que ele  procure a escola onde está matriculado, pois é do interesse nosso que todos eles recebam”, afirmou.

O secretário lembrou que se o estudante tiver qualquer dificuldade de acesso ou no uso do cartão, deve entrar em contato com a escola onde está matriculado ou acionar a Ouvidoria, por meio do telefone 0800 284 0011 ou pelo email: ouvidoria@educacao.ba.gov.br. Jerônimo também fez um alerta sobre a cobrança do estabelecimento na hora da compra com o cartão vale-alimentação estudantil. “Não existe a cobrança de taxas na aquisição dos alimentos nos pontos comerciais. Isto é ilegal e se estiver acontecendo, o estudante deve ligar para a Alelo pelo telefone 0800 202 6161 ou procurar a gente, por meio da Ouvidoria, para denunciar", ressaltou.

As compras com o cartão vale-alimentação estudantil são, exclusivamente, para gêneros alimentícios e podem ser feitas em mais de 18 mil estabelecimentos comerciais que aceitam a bandeira Alelo, nos 417 municípios, distritos e povoados da Bahia. Para saber em quais estabelecimentos como supermercados, mercadinhos, mercearias e quitandas, o cartão-alimentação estudantil é aceito, o beneficiado deve acessar o site do cartão Alelo (https://www.alelo.com.br/onde-aceita). Esta e outras informações também podem ser acessadas no celular, através do aplicativo "Meu Alelo", disponível nas lojas "Google Play" e "APP Store", onde o estudante também pode consultar o saldo e o extrato do cartão.

Fonte: Ascom/ Secretaria da Educação do Estado