Os comerciantes da Feira de São Joaquim, em Salvador, vão ganhar um reforço importante no combate ao coronavírus. Nesta quarta-feira (17), às 8h, o Governo do Estado, por meio da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), entrega cinco mil máscaras do Projeto Trabalhando em Rede no Combate ao Coronavírus, que serão distribuídas pelo sindicato da categoria.

As máscaras são parte das 100 mil que foram entregues esta semana em Salvador e Lauro de Freitas. No total, nessa primeira leva, foram distribuídas 400 mil em todo o estado.

Com um investimento de R$ 3,6 milhões do Fundo de Promoção do Trabalho Decente (Funtrad), o projeto, que conta com a parceria do Ministério Público do Trabalho (MPT) e oferece apoio financeiro a 600 profissionais de costura, prevê a produção de 2 milhões de máscaras, em quatro polos distribuídos no território baiano.

A iniciativa é executada por Organizações da Sociedade Civil (OSC), que são responsáveis pela contratação de profissionais, pagamento da bolsa-produção, aquisição de insumos e acompanhamento de todas as etapas da atividade.

“Além de promover a geração de renda, estamos ampliando o acesso às máscaras visando, especialmente, a proteção de trabalhadores de áreas essenciais, grupos de risco e pessoas mais vulneráveis, como idosos, população em situação de rua, quilombolas e indígenas”, ressalta o titular da Setre, Davidson Magalhães.