Os mangues do distrito de Acupe, em Santo Amaro, vão ganhar mais vida nesta semana. Na quarta-feira (22), a Bahia Pesca, empresa vinculada à Secretaria da Agricultura (Seagri), realizará o repovoamento de 850 mil megalopas (filhotes de caranguejo na segunda fase de desenvolvimento) nos manguezais da região. Os animais serão colocados no manguezal do Porto de Acupe às 14h.
As megalopas foram cultivadas no laboratório da Bahia Pesca, na Fazenda Experimental Oruabo, em Santo Amaro, onde também são realizadas as principais atividades de pesquisa da empresa. As fêmeas utilizadas para a reprodução foram capturadas no próprio manguezal e serão devolvidas ao habitat natural durante o repovoamento.
“Durante sua estada em nosso laboratório, as fêmeas foram nutridas com alimentos à base de peixes e camarão até a eclosão dos ovos. É neste momento que ‘nasce’, em forma de larva, a iguaria tão apreciada por baianos e turistas. As larvas então são colocadas em tanques onde se alimentam de microalgas e microcrustáceos e vão se desenvolvendo até atingir o estágio de megalopas”, explica a técnica da Bahia Pesca, Eliane Hollunder.
Fonte: Ascom/Bahia Pesca