No Brasil, 48% dos microempreendedores individuais (MEIs) são mulheres e a Bahia segue a tendência nacional, com 46,5%. No Dia Mundial do Empreendedorismo Feminino, comemorado no dia 19 de novembro, o vice-governador João Leão, titular da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), destaca que a pasta oferece suporte às mulheres que desejam entrar no mundo dos negócios, por meio do SAC Empresarial e da Junta Comercial do Estado da Bahia (Juceb).
“As mulheres movem nossa economia, direta ou indiretamente, e estão cada dia mais ocupando espaços de poder, empreendendo. Por isso, a SDE se empenha em dar o apoio que elas precisam, independentemente do porte do empreendimento, dando orientações de como identificar oportunidades e transformá-las em negócio próprio”, afirma Leão.

A Juceb auxilia na abertura e alteração de empresas, análise de viabilidade, entre outros serviços para empresas de maior porte. Já o SAC Empresarial disponibiliza serviços de abertura de empresa, formalização, alteração e baixa para MEI, Micro e Pequenas Empresas e Empresas de Pequeno Porte.