O Museu de Arte da Bahia participa da Virada Sustentável, movimento nacional de mobilização para a sustentabilidade, que acontece nos espaços de arte e cultura de Salvador, com inauguração, às 16h, do dia 8 de novembro e funcionamento dias 9 e 10, das 14h às 18h, com entrada franqueada ao público.

O MAB apresenta neste mega evento três exposições: ‘Exus’, mostra do artista Jayme Fygura e da fotógrafa Marisa Vianna, que acompanhou o processo instintivo de criação do escultor; ‘Deformidades – Outras Monstruosidades Possíveis’, mostra coletiva de artistas da Escola de Belas Artes da Ufba, a exposição conterá alguns wearables (tecnologias vestíveis, que consistem em dispositivos tecnológicos que podem ser utilizados pelos usuários como peças do vestuário). "Será uma exposição com esculturas, pinturas, desenhos e performance. Teremos pontos onde o público terá acesso aos objetos escultóricos wearables para experimentar e se fotografarem", diz o grupo; e a expo ‘Caretas – Uma Expressão Ancestral’, com trabalhos de Mestre Ulisses, que além da mostra contará com uma oficina de confecção de máscaras a tradição das caretas da Praia do Forte, preservada por Mestre Ulisses, que disse estar "trabalhando para que isso não acabe. Que eu morra, mas que continue".

O Museu de Arte da Bahia é vinculado ao Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (Ipac) órgão da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult).

SERVIÇO

O QUE: Virada Sustentável no MAB
QUANDO: Exposições – 08, 09 e 10 de novembro, das 10 às 18h
Oficina de máscaras – 08 de novembro, das 13h às 16h
ONDE: MAB
QUANTO: Entrada gratuita


Fonte: Ascom/ MAB