O primeiro dia do seminário ‘Os desafios da comunicação nas administrações públicas’ foi encerrado na tarde desta sexta-feira (29), com uma mesa de discussões sobre ‘O fortalecimento da Comunicação Pública’. O bate-papo reuniu o diretor-geral da TVE Bahia, Flávio Gonçalves; o secretário de Comunicação do Maranhão, Daniel Merli; e os jornalistas Inácio Carvalho e Lalo Leal.
Nesta terceira mesa, Daniel Merli comentou a necessidade de valorizar a comunicação pública. "A conjuntura atual é difícil e enfrentamos um contexto nacional bastante adverso com ataques por meio das redes sociais. Além disso, a gestão da comunicação é desafiadora, especialmente por conta desse cenário econômico difícil, mas temos que encontrar formas de entregar um bom serviço à população, que, no nosso caso, é comunicação. Eventos como esse nos ajudam a refletir e aperfeiçoar nossos processos”, disse. 
O diretor-geral da TVE ressaltou a importância das emissoras públicas. “Para que consigam ter importância na sociedade, as TVs e rádios públicas precisam criar relação com as pessoas. Uma forma de conquistar esse público é a diversidade de conteúdo. São 15 milhões de habitantes na Bahia, e a nossa missão é trabalhar a produção de conteúdo que represente essa população", afirmou. 
Promovido pelo Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé, o seminário tem apoio do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Comunicação Social (Secom). O seminário retoma as atividades a partir das 9h deste sábado (30). Serão realizadas mais três mesas de debates com reflexões sobre gestão pública e comunicação.
Repórter: Jairo Gonçalves