O grupo de teatro ‘Junto e Misturado’, da Base Comunitária de Segurança (BCS) de Itinga, em Lauro de Freitas, ensaia um novo espetáculo. A peça ‘A rede – Memórias Compartilhadas’, que aborda as mudanças provocadas pelas redes sociais na atualidade, será apresentada no Festival de Teatro, de 25 de outubro até 1º de novembro, em Minas Gerais.
A companhia já realizou seis peças. Entre elas, a ‘Tati Búfala’, que discute temáticas como o bullying e racismo, e a ‘Fecha os Olhos’, destinado ao público infantil. Licenciado em Teatro, o idealizador do grupo da BCS Itinga, soldado PM Luide Prins, explica que a iniciativa surgiu em 2014, com o propósito de levar a filosofia das artes cênicas para os jovens com idades de 15 a 19 anos. “O teatro é um instrumento de reflexão e autoconhecimento”, afirma. 
Foto: SSP
(Foto: SSP)
Diversos jovens tiveram a oportunidade de participar dos espetáculos promovidos pela BCS, a exemplo de estudante Robert Oliveira, 16 anos, que já integrou o Festival Estudantil de Teatro (Feto), em Belo Horizonte. “Conheci muitas pessoas, que me ajudaram no projeto, e o palco me fez ser a pessoa que me tornei hoje”, destaca o jovem. 
O ‘Junto e Misturado’ faz parte do projeto Vidas em Cena, que oferece aulas gratuitas de iniciação teatral, na BCS Itinga, ministradas por policiais com formação em artes cênicas. 
Fonte: Ascom/SSP