Com gols da camisa 10, Maria Santos, a equipe do Colégio Integral, de Salvador, venceu por 3 a 0 a equipe de Alagoas, conquistando o torneio de futsal feminino da categoria de 12 a 14 anos, da etapa Regional Nordeste dos Jogos Escolares da Juventude 2019. A competição foi encerrada nesta terça-feira (24), em Natal, no Rio Grande do Norte.
Com o título, o time, comandado pelo técnico Marcones Ribeiro, garantiu classificação para a fase nacional da competição, organizada pelo Comitê Olímpico Brasileiro e marcada para o mês de novembro (15 a 30), em Blumenau, no estado de Santa Catarina. 
Acostumado com jogos decisivos, Marcones já conquistou três títulos na fase nacional dos Jogos Escolares da Juventude – duas com equipe masculina e campeão com a feminina. “Buscamos muito a classificação para o nacional, mas a campanha foi ainda melhor. Acreditamos e conseguimos esse título. Elas estão de parabéns pela dedicação e foco. Enfrentamos uma equipe muito forte e conseguimos essa medalha de ouro”, disse o técnico. 
Foto: Sudesb
Na decisão, a Bahia foi superior durante todo o jogo e prevaleceu a estrela da goleadora Maria. Nos jogos da fase decisiva, ela marcou, ao todo, cinco gols (semifinal e final). No total, as meninas do Integral fizeram quatro partidas no Regional, com três triunfos e uma derrota, na estreia. 
Voo fretado 
No retorno a Salvador, na noite desta terça-feira (24), a delegação viaja em voo fretado pelo Governo da Bahia, numa ação orçamentária que envolveu a Secretaria da Educação, a Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre) e a Superintendência dos Desportos (Sudesb).
Em novembro, viajam os atletas classificados nas 10 modalidades individuais (badminton, xadrez, vôlei de praia, judô, luta olímpica, ginástica rítmica, natação, tênis de mesa, atletismo e ciclismo) e a equipe de futsal feminino (12 a 14 anos) classificada nesta etapa, além de uma delegação de atletas paralímpicos que participarão, em São Paulo, de 18 a 23 de novembro, dos jogos das Paralimpíadas Escolares, esses organizados pelo Comitê Paralímpíco Brasileiro.
Fonte: Ascom/Sudesb