Com o objetivo de garantir a segurança hídrica em escolas estaduais da Bahia, prioritariamente aquelas inseridas em regiões que enfrentam escassez de abastecimento de água, a Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (Sihs), em parceria com a Secretaria da Educação do Estado, tendo como órgão executor a Companhia de Engenharia Hídrica e Recursos Hídricos da Bahia (Cerb), assinou Termo de Cooperação, para a execução de serviços especializados visando à realização de estudos hidrogeológicos, perfuração e instalação de poços tubulares, para o abastecimento de água de Unidades Escolares da Rede Estadual de Educação, em 18 municípios baianos.

Nesta primeira etapa do projeto, com o investimento de mais de R$ 3 milhões, serão contempladas, nesses municípios, 32 unidades escolares, que favoreceram à identificação de manancial apropriado para o abastecimento humano, buscando atender às exigências ambientais para o consumo, garantindo assim, às crianças, jovens e adolescentes o acesso à água de qualidade e em quantidade adequada.

“A escassez hídrica nas escolas, principalmente no semiárido baiano, compromete o desempenho escolar de crianças e adolescentes. Com essa iniciativa, o Governo do Estado, por meio de uma ação transversal entre a Sihs e a Secretaria da Educação do Estado, e com a execução da Cerb, estará promovendo o acesso à água e consequentemente elevando o potencial de desenvolvimento escolar de nossos jovens”, frisou o titular da SIHS, Leonardo Góes.

Fonte: Ascom/Sihs