Estudantes ligados aos Núcleos Territoriais de Educação (NTE) de Feira de Santana, Irecê, Ipirá e Itaberaba das redes estadual e municipais e de institutos federais tiveram uma quinta-feira (1º) de competições de basquetebol, futsal, handebol e voleibol, nas categorias feminino e masculino, da Etapa Zonal dos Jogos Estudantis da Rede Pública (JERP). 
Os jogos, que seguem até sexta-feira (2), no Centro de Atividades Nelson Dahia (Sesc/Tomba) e no Ginásio Poliesportivo do Instituto Federal da Bahia (Ifba), são promovidos pela Secretaria da Educação do Estado (SEC) e visam, por meio do esporte escolar, fortalecer a ação educativa e promover o fomento da cultura corporal no currículo da Educação Básica em cada um dos 27 NTE, com foco na melhoria do processo de ensino e aprendizagem. 
Hiago Rocha, 16, 2° ano do Ensino Médio, do Colégio Estadual Manoel Levi, em Uibaí, que disputou uma partida de voleibol, contou que a equipe se preparou bastante para as competições, visando às próximas etapas. "Estamos focados nos jogos. Treinamos e conversamos muito, buscando sempre evoluir para não errar e passar para as próximas fases. O Jer´p tem colaborado muito para o nosso desenvolvimento como atletas e estudantes, pois nos deixa determinados a ter bons resultados", disse o estudante. 
Também envolvida na competição, a jovem atleta de voleibol Simone Silva, 17, 2°ano, do Colégio Estadual de Conceição do Jacuípe, revelou que, por meio do esporte, se aproximou mais da escola, melhorando o rendimento escolar. "O vôlei me fez estudar mais, pois para participar dos jogos estudantis tem que ser bom aluno. O Jerp é muito bom. Tem aquele frio na barriga antes das partidas, mas a sensação é de dever cumprido quando ganhamos e a integração das escolas de cidades diferentes", comentou. 
Foto: Geraldo Carvalho
(Foto: Geraldo Carvalho)
Esporte na educação 
Ainda nesta quinta-feira (1º), os estudantes disputaram futsal, nas modalidades masculino e feminino. Acompanhando os jogos em Feira de Santana, o coordenador de Projetos Estratégicos da Secretaria da Educação do Estado, Marcius Gomes, destacou a importância do esporte na vida estudantil. "O Jerp incentiva a participação, a coletividade e a inclusão. Essa relação dos jovens com a escola é uma das estratégias das mais importantes para a formação da juventude. O esporte escolar valoriza princípios de cidadania, de ética, de participação e os dez anos do Jerp reforçam ainda mais essa questão". 
Ação governamental 
O Jerp ocorre por etapas (escolar, municipal, polo, territorial, zonal e estadual). Na etapa estadual, os estudantes irão disputar os Jogos Escolares da Bahia, promovidos pela Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), por meio da Superintendência dos Desportos (Sudesb). As duas ações são políticas públicas do Governo do Estado para fomentar o esporte e o protagonismo dos estudantes na Bahia, por meio das secretarias da Educação, da Setre, além da Casa Civil.
Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado