Produtores da Orquestra Sinfônica da Bahia (Osba) e do Balé do Teatro Castro Alves (TCA) fizeram uma visita técnica no Teatro Municipal de Itabuna Candinha Dória, com o objetivo de avaliar as condições técnicas do teatro para a apresentação que ocorrerá na inauguração da obra, no próximo dia 26, na semana de comemorações dos 109 anos de emancipação político-administrativa de Itabuna. O teatro está sendo construido com recursos do Governo do Estado, com investimentos de R$ 24 milhões.

A coordenadora de produção da Orquestra Sinfônica da Bahia, Raquel Rosa, e o diretor de Cena do Balé do TCA, Leonard Henrique, foram recepcionados pelo prefeito Fernando Gomes, a Secretária de Assistência Social, Sandra Neilma, e a diretora do Teatro, Cláudia Dória. O prefeito se mostrou bastante satisfeito com a avaliação da equipe. “Estou muito feliz que o nosso Teatro atendeu a expectativa técnica do Balé e da Orquestra. Falta muito pouco para que Itabuna receba este grande equipamento de cultura e turismo que beneficiará toda região”, destacou o prefeito.

A coordenadora de produção, Raquel Rosa, disse estar impressionada com a estrutura do Teatro: “É um equipamento muito bonito, completo e nós estamos felizes em participar desta inauguração. Itabuna está de Parabéns”. Ela destacou que a apresentação do dia 26 de Julho será focada em um Cine Concerto que ficou famoso em Salvador. “O espetáculo consiste na apresentação de músicas de cinema, músicas atuais e antigas. É um concerto bem diferente, alto astral e que até os músicos se apresentam fantasiados”, diz. Já no dia 27 de Julho será a vez de uma apresentação conjunta da Orquestra Sinfônica da Bahia e do Balé do Teatro Castro Alves.

“Será um presente para Itabuna. Esta é uma obra clássica que conta a história do Soldado Igor Stravinsky. A montagem está muito bonita. Nós iremos estrear agora no TCA e Itabuna verá nossa segunda apresentação, espero que vocês gostem”, conta Raquel Rosa, informando que 108 componentes entre músicos, bailarinos e equipe dos dois corpos virão para Itabuna. O diretor de Cena do Balé do TCA, Leonard Henrique, finalizou lembrando que esta parceria entre a Orquestra Sinfônica e o Balé do TCA resultará em uma apresentação muito rica em cultura.

O Teatro de Itabuna terá capacidade para cerca de 600 pessoas, contando com uma moderna estrutura de palco, iluminação, sonorização, mecânica, cênica, acústica, passarelas técnicas sobre a platéia, housemix e antecâmaras, além de um amplo foyer que também poderá ser utilizado para exposições. O terá ainda sala multiuso, sala de dança, camarins coletivos e individuais, cafeteria, bilheteria, administração e salas de reunião.