Moradoras da comunidade de Narandiba e região, em Salvador, tiveram uma manhã especial nesta quarta-feira (8), em celebração ao Dias das Mães. Realizada no Centro Social Urbano (CSU) do bairro, a ação incluiu atividades gratuitas, como tratamentos de beleza, dança e um desfile de moda.
“É uma forma de homenagear essas mulheres tão bonitas e guerreiras com um dia especial e divertido, elevando a autoestima. A ideia é proporcionar um momento divertido para que elas possam relaxar e se divertir, com música, almoço, bate-papo e, principalmente, interagirem entre si”, explicou a coordenadora do CSU, Cláudia Rejane.
A aposentada Otilda Almeida cuidou dos cabelos e fez limpeza de pele. Ela afirmou que fica "feliz com uma ação como essa. O CSU é como uma casa para todas nós e nos acolhe com todo o carinho sempre. Para muitas, é uma oportunidade rara, porque são tratamentos caros e nem sempre temos condições de pagar”. 
Inclusão
Equipamento administrado pela Secretaria de Justiça, Diretos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), o CSU oferece atividades de lazer, cultura, inclusão digital, informação, formação e qualificação profissional, educação infantil, atenção à saúde e apoio a grupos de convivência, visando fomentar a organização e o fortalecimento de vínculos nas comunidades. A SJDHDS possui nove unidades da capital e 22 no interior do estado.
O objetivo do governo é consolidar os CSU como centros públicos voltados ao desenvolvimento, inclusão social e redução da violência. Além de promover atividades esportivas e de formação, devem assegurar o acesso aos bens e serviços socioassistenciais, como Conselho Tutelar, Centro de Referência de Assistência Social (Cras), unidades de saúde e de educação infantil. O propósito é tornar os CSU núcleos de referência em suas comunidades. 
Repórter: Tácio Santos