Com capacidade para 5.210 passageiros, o navio MSC Seaview atracou no Porto de Salvador, procedente de Búzios (RJ), nesta terça-feira (29). Turistas de diversas partes do Brasil e do exterior desembarcaram para conhecer ou rever alguns dos principais cartões-postais da cidade, como o Mercado Modelo, o Elevador Lacerda, o Pelourinho, o Farol da Barra e a Praia do Forte. 
Receptivo especial da Secretaria do Turismo do Estado/Bahiatursa deu boas-vindas aos visitantes no desembarque. De Ponta Grossa, no Paraná, Alfredina Siefert chegou pela primeira vez à Bahia, acompanhada da filha Bruna Oliveira, que já havia visitado a capital baiana anteriormente. “Sempre tive vontade de conhecer Salvador. Para mim, ver ao vivo tudo o que eu tinha visto em livros é como caminhar sobre a história”, afirmou Alfredina.
Na passagem pela cidade, elas pretendem visitar o Pelourinho, a Igreja da Bonfim, o Farol da Barra e o Elevador Lacerda. Basicamente, é o mesmo roteiro da catarinense Leana Ricken, que já visitou Salvador em 2013.
Procedente da cidade de Braço do Norte (SC) e acompanhada do marido e outros três familiares, Leana apenas trocava a Igreja do Bonfim pelo Mercado Modelo. “Gostamos de conhecer uma cultura diferente da nossa e, nesse sentido, Salvador é tudo de bom, especialmente a culinária”, disse.
Também não era a primeira vez que o casal de paulistas Rodrigo e Simone Corgosinho desembarcava na capital baiana. “A Bahia é calorosa e muito gostosa, quem conhece quer voltar e quem não conhece quer conhecer”, declarou Simone, neste terceiro desembarque em terras baianas.
Escalas 
O MSC Seaview é o maior navio de cruzeiro em operação no litoral brasileiro. A embarcação aportou pela primeira vez em Salvador no início de dezembro, procedente de Santa Cruz de Tenerife. Esta é a sexta vez que o navio desembarca na cidade. A previsão é que atraque mais quatro antes do fim da temporada de cruzeiros, em meados de abril.
Até lá, estão previstas 70 escalas de navios nos portos de Salvador e Ilhéus, segundo dados da Companhia das Docas do Estado da Bahia (Codeba). As embarcações deverão trazer mais de 240 mil turistas para as duas cidades, com incremento médio de 7% em relação à temporada anterior.
 
“Estamos trabalhando para aumentar ainda mais o número de escalas na Bahia nas próximas temporadas e também para incluir lugares como Porto Seguro e a Ilha de Itaparica no roteiro”, destacou o secretário estadual do Turismo, José Alves.
Para o subsecretário do Turismo, Benedito Braga, a circulação dos visitantes movimenta toda uma economia na área do Comércio e em outros pontos turísticos da cidade. “Eles fazem compras no Mercado Modelo, experimentam nossa gastronomia e conhecem toda a riqueza do Pelourinho e do Centro Histórico de Salvador”. 

Fonte: Ascom/Setur