Quem vive a rotina de se locomover à pé pelas ruas do Comércio e da Calçada, em Salvador, já pode fazer isso com mais segurança e conforto. Nesta quinta-feira (17), por exemplo, o trajeto por onde passará o cortejo da tradicional Lavagem do Bonfim, desde a Rua da Conceição da Praia, inclui vias já recuperadas pelo projeto ‘Pelas Ruas do Centro Antigo de Salvador’.
Executada pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado (Conder), a iniciativa promove a requalificação de calçadas com acessibilidade e a pavimentação de vias. Os serviços nas ruas do Comércio integram o lote 1 do ‘Pelas Ruas do Centro Antigo’, que compreende também o bairro da Calçada, onde estão sendo investidos R$ 28 milhões para a requalificação de 53 vias nesses dois bairros. 
Desse total, 35 ruas já foram concluídas, a exemplo das ruas do Corpo Santo, Portugal, Conselheiro Saraiva, Francisco Gonçalves e Pedro Rodrigues Bandeira; 11 estão em execução, como a Avenida da França, Rua da Conceição da Praia e Avenida Jequitaia. Os serviços serão iniciados em mais sete vias.
Pelas Ruas
As intervenções melhoram o acesso das pessoas a diversos pontos do Centro Antigo de Salvador e tornam mais confortável a mobilidade por ruas, praças e travessas. As calçadas estão sendo alargadas, ganhando rampas de acessibilidade, piso tátil, travessias para pedestres, além de faixa de serviços ao longo do passeio, onde deverão ser alocados postes, lixeiras e dispositivos de sinalização para facilitar o acesso de pedestres e pessoas com necessidades especiais. 
O projeto foi planejado para ser executado por etapas, simultaneamente, em diferentes pontos do Centro Antigo. Assim, os bairros próximos foram interligados por cinco lotes. Ao todo serão investidos R$ 124 milhões para a pavimentação de vias e requalificação de calçadas em mais de 300 ruas. 
Estão sendo beneficiados 11 bairros que formam o território. As obras já foram concluídas em 209 ruas e 20 vias do território estão sendo requalificadas. O projeto ainda contemplará mais 86 ruas da região antiga da capital baiana, cujo as obras ainda vão iniciar.
Lavagem do Bonfim
Realizada sempre na segunda quinta-feira do ano, a festa leva uma verdadeira multidão às igrejas. Turistas e baianos vão começar a caminhada de oito quilômetros na Conceição da Praia e seguem, vivenciando todo o sincretismo, até a Colina Sagrada, onde acontece a tradicional lavagem do adro da igreja.
A devoção ao Senhor do Bonfim na Bahia teve início em 1745, quando o capitão-de-mar-e-guerra Theodósio Rodrigues de Faria trouxe de Portugal uma imagem similar e no mesmo tamanho da que existia na cidade de Setúbal.
Fonte: Ascom/Conder