Com o objetivo de mostrar a trajetória do Bloco Afro Malê Debalê na cultura Afro-Baiana, foi aberta na segunda-feira (14), e permanece até a data de fundação do Bloco, 23 de março, na Casa da Música, no Parque Metropolitano do Abaeté, em Itapuã, a exposição ‘Raízes do Malê – Buscando outra Sociedade’. A mostra tem entrada gratuita e é um forma de retratar todo contexto histórico e sócio-cultural das raízes e fundamentos do Bloco Afro Malê Debalê.

O Bloco Malê Debalê foi fundado por moradores itapuazeiros na década de 70 e está prestes a comemorar 40 anos de luta, resistência e afirmação. A Curadoria da Exposição será realizada pela Coordenação de Arte e Cultura do Bloco. O Tema: Janela do Passado – Mulheres do Malê é a proposta trazida em conjunto pelo fotógrafo Piu Filho e a pesquisadora Gisele França.

Serão apresentadas também na Casa da Música, um dos 17 espaços culturais administrados pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult) através da DEC, as Obras de Artes que retratam a trajetória transformadora do Bloco na concepção do Artista Plástico Beto Rasta; e a Concepção: África, Ontem e Hoje na Freguesia sob a ótica do professor e pesquisador Carlinhos Santos.

Os itens desta Exposição são compostos de fotografias, vídeos, indumentárias, troféus, quadros, acervo de áudio, e documentários, dentre outros. Também ocorrerá, no ínterim da Exposição, roda de conversas, shows, oficinas e palestras.

Serviço

Exposição Raizes do Malê Buscando outra sociedade
Onde: Casa da Música /Itapuã-Abaeté
Quando: 14 de janeiro a 23 de março de 2019
Horário: 09h às 17h
Quanto: Gratuito


Fonte: Ascom/ Secretaria de Cultura do Estado