Em clima de descontração, a Polícia Militar da Bahia (PMBA) formou, nesta sexta-feira (17), em Lauro de Freitas, 1.067 alunos da rede pública no Programa de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd). Os estudantes são de dez escolas municipais do 4º e 5º ano do Ensino Fundamental. 
 
De acordo com o comandante da 52ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), major Fabrício Oliveira, o programa leva desenvolvimento social e inclusão para as escolas, realizando um trabalho de prevenção em parceria com 12 escolas de Lauro de Freitas. “O objetivo é prevenir que esses jovens sejam seduzidos pela vida fácil das drogas. Queremos que eles alcancem seu potencial máximo”, explicou o major.
 
O Proerd trabalha com os alunos do 4º ao 7º ano do Ensino Fundamental,na faixa etária de 9 a 12 anos, através do esforço cooperativo entre Polícia Militar, escola e família, oferecendo atividades educacionais em sala de aula com abordagens socioemocionais com os estudantes, relacionadas aos riscos de ingestão de bebidas alcoólicas, drogas e práticas agressivas.
 
O Programa é a versão brasileira do programa D.A.R.E. (Drug Abuse Resitence Education), implantado inicialmente nos Estados Unidos e atualmente desenvolvido em mais de 56 países conveniados. A iniciativa é considerada pela ONU como um dos maiores programas de prevenção às drogas e à violência do mundo.
Repórter: Tácio Santos