A Educação no século XXI e a sua interface com a inclusão, a diversidade, o meio ambiente, a inovação, a tecnologia e com a formação docente estão entre as abordagens que serão feitas por diversos pesquisadores de instituições nacionais e internacionais durante o XIX Encontro Internacional Virtual Educa. Este é um dos maiores eventos mundiais sobre inovação e tecnologia aplicadas à Educação, que será realizado entre os dias 4 e 8 de junho, no Centro de Formação e Eventos da Secretaria da Educação do Estado (no antigo Iceia), em Salvador, com participação de países da América Latina, Caribe e África. O ciclo de palestras será iniciado no dia 5 de junho e o Virtual Educa Bahia 2018 terá como tema geral a ‘Educação para transformar a sociedade em um espaço único multicultural’.

O secretário estadual da Educação, Walter Pinheiro, falou sobre a importância de a Bahia sediar o Virtual Educa, agregando renomados pesquisadores da Educação. “É um encontro para debater, conhecer e compartilhar experiências. A partir daí, teremos condições de trilhar novos caminhos. É por isso, também, que iremos realizar o encontro no antigo Iceia, que está sendo transformado em um novo espaço, repaginado para esse novo tempo. Espero que, a partir de agora, possamos realizar todos os eventos de Educação no local. O Virtual Educa servirá, ainda, para que possamos fazer leitura dessas transformações pedagógicas que estamos implementando na rede estadual de ensino”, afirmou.

Entre os palestrantes nacionais, estarão no Encontro Michella Lima Lasmar, da empresa Samsung, que abordará o tema “O Ocean Lab e a Educação do século XXI”; Mirella Lima, da Universidade Federal da Bahia (Ufba), que apresentará o tema “Entre “Rios e Oceanos: o local e o internacional em processo de formação”; Vani Kenski, da Universidade de São Paulo (Usp), com o tema “Formação docente para a empatia, colaboração e cocriação”; Nilma Lino Gomes, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), que abordará sobre “Desafios da Inclusão e Diversidade na Educação do século XXI” e Sidarta Ribeiro, da Universidade do Rio Grande do Norte (UFRN), com o tema “Por um Cultivo Ecológico da Mente”.

Já os palestrantes internacionais do primeiro dia do ciclo de palestras serão: Ruth Contreras, da cidade de Barcelona, na Espanha, que apresentará o tema “Quando os fãs assumem o controle: motivações, práticas, papéis e aprendizagem informal com mods”, e Ana Isabel Veloso, da cidade de Aveiro, em Portugal, que destacará a “A inclusão do idosos no design das Tecnologias da Informação e Comunicação: desafios e oportunidades”.

A programação do evento também inclui conferências, que contarão com as presenças do governador Rui Costa e do secretário da Educação do Estado da Bahia, Walter Pinheiro. Dentre os conferencistas, também estão: Christian Miranda, U.C. Chile, que estará na conferência “El silencioso abandono de la formación integral del educador del siglo XXI”; João Salles, da UFBA, que participará da conferência “UFBA e o ensino do século XXI”, e representantes da Unicef/BNDES, que estarão na conferência “Programas de apoio a Educação na Parceria Unicef/ BNDES”.

Saiba mais sobre o Virtual Educa Bahia 2018 no site.

Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado