A Secretaria de Promoção da Igualdade Racial do estado (Sepromi) divulgou nesta terça-feira (24), no Diário Oficial do Estado, a relação de organizações classificadas no Edital da Década Afrodescendente. O ato, que também está disponível no site da Sepromi convoca para a apresentação de documentos necessários à habilitação, a partir desta quarta (25), no protocolo do órgão ou por correspondência, via Sedex.

Com investimento na ordem de R$ 2 milhões, o foco principal da chamada pública é a redução das vulnerabilidades sociais e econômicas da população negra, principalmente dos segmentos de povos e comunidades tradicionais, juventude e mulheres negras.
O edital contemplará 33 projetos, ao todo, a serem executados em datas emblemáticas do calendário da luta racial, a exemplo do Julho das Pretas, Agosto da Igualdade e Novembro Negro. As iniciativas precisam seguir como referência os eixos da Década Estadual de Afrodescendentes (2015-2014), que têm como tema ‘Reconhecimento, Justiça e Desenvolvimento’. Confira a lista de classificadas.

Fonte: Ascom/Secretaria de Promoção da Igualdade Racial do Estado (Sepromi)